Contos e passagens pelo olhar de um andarilho cibernético. Perspectivas e análises de um mundo em movimento, onde o homem vive em constante conflito com o seu próprio ser.

segunda-feira, janeiro 24, 2005

Existem mulheres fortes e fracas... - Parte I

Atualmente, tenho conhecido mulheres fortes e mulheres fracas, mas neste post, falarei sobre uma mulher que conheci ha tempos atrás...E esta é uma mulher forte. Das mulheres que me relacionei, acho que foi a que mais me deu forças profissionalmente, tem uma vontade de vencer imensa e luta para alcançar seus objetivos, assim como a leoa luta para trazer o alimento ao seu grupo. Tem criações maravilhosas e a maior delas eu conheci. (E lembro como eu fiquei com medo de ele não gostar de mim ! rs...) Claro que como ser humano, não poderia deixar de ter seus defeitos... Ser impulsiva demais às vezes; falar demais às vezes; ser doida demais ! Sempre que entramos em contato, os dois alcançaram objetivos e estão prontos para enfrentar novas metas/desafios. Espero que isso continue assim e que um sirva de inspiração para o outro...SEMPRE ! Preciso encontrar mulheres assim...que acreditem no meu potencial e me dêem forças, pois não quero me atrofiar. Mas não sei se eu é que estou conhecendo as pessoas erradas, ou se está cada vez mais difícil mesmo.

CyberCrow

***Sim, este post é dedicado a você ! Com um abraço de Urso !

quarta-feira, janeiro 19, 2005

Ser Auto-suficiente...

Não gosto muito de Jota Quest, mas tem uma música deles que tá martelando a minha cabeça, devido ao que estou vivendo.

"Eu quero ficar só, mas comigo só eu não consigo...."

Porque é tão difícil termos auto-controle, principalmente quando gostamos de alguém, ou quando temos um momento de carência.
Disciplina, eu já consigo ter. Aprendi a me disciplinar e me tornar forte nesse sentido, mas controlar totalmente meus sentimentos, não.
Acho que isso vem um pouco da veia artística que tenho. Já percebeu que a maioria dos artistas (artistas de verdade) tem problemas de relacionamento e/ou com seus sentimentos? Será que é porque nos artistas a sensibilidade esta mais a flôr da pele?

Como diz uma comunidade do Orkut que uma amiga minha participa (*um beijo Chris!): "Prefiro os animais".
Ei ! Não pensem sacanagem... nada de Zoofilia !!! É que animais são mais amigos, mais fiéis, mais sensitivos.

***Momentos de depressão, preciso voltar a escutar Korn & Deftones.

terça-feira, janeiro 18, 2005

Será?

Será que eu é quem sou responsável demais ou as pessoas é que estão com o "FODA-SE" ligado o tempo inteiro?
O que adianta várias pessoas me dizerem que sou um cara maravilhoso, um cara para namorar, etc. Se no final elas ficam é com os canalhas. Ser o cara próximo a perfeição desejado por elas, ou ser o canalha que fica com elas? Eis a questão!!!

quarta-feira, janeiro 12, 2005

Aproveitar as coisas boas da vida

"Aproveitar as coisas boas da vida? É isso que pretendo fazer.... Mas aí vai do conceito de cada um.
O que é "aproveitar as coisas boas da vida?" É zoar pra caralho, beber todas, dizer foda-se pro mundo?
Gosto de beber, de zoar, de me divertir, de sexo, etc.
Mas, para mim, aproveitar a vida é me sentir FODA. Ser bom no que faço, ver que pessoas me admiram, se inspiram em mim. Estar bem fisicamente, me olhar no espelho e me sentir feliz. Ultrapassar meus limites...."

Isso aí em cima é parte de um e-mail que mandei para uma pessoa.
Muita gente por torcer o nariz quando ler o "... me sentir FODA", mas o que eu quero dizer com isso, não é que eu seja melhor que os outros e que vou passar por cima de todo mundo, mas sim que sou capaz de me superar, que sou competente. E isso eu quero mostrar é para mim mesmo, e não para ficar tirando onda com os outros.

"Não tenho a intenção de mostrar a ninguém mais que a mim mesmo, o quanto sou capaz de me superar."*

*Essa é uma frase que escrevi e coloquei no meu mural.

Nunca confie nos seus sentimentos...

Saber que você vai ter que enfrentar algo e se preparar emocionalmente, nunca funciona, pois você acha que vai estar provido de uma emoção e pensar como agir seguindo ela. Mas chegado o momento do "confronto", sua emoção pode ser outra.

Isso acontece várias vezes comigo. Quando acho que vou ficar perturbado, fico sereno. Quando acho que vou sentir tristeza, sinto raiva.
Não devemos pensar em como agir em relação a um sentimento, mas em como agir com todas as emoções. Mas muitas vezes, mais do que isso, não devemos pensar em como agir. Apenas em agir.

Acho que ando lendo muita literatura oriental. Espero que entendam meu ponto de vista.

CyberCrow

ANO NOVO - NOVA FASE !

A partir de agora, estou mudando o escopo deste blog e postarei com mais frequência.
O CyberBlog agora vai tratar de traçar um perfil sobre minhas atitudes, experiências, dúvidas...
Será como se eu traçasse um perfil psicológico não só meu, mas de coisas e atitudes que presencio também.
Qualquer coincidência de posts misturados com trechos de livros como: A Arte da Guerra, Hagakure, Segredos do Código e qualquer outra coisa que eu ler, não é mera coincidência. É intencional mesmo !

Espero que leiam e gostem, pois pode servir de exemplo (ou não!) para algumas pessoas, ou para quem se interessa por comportamento humano, vai ser um prato cheio.

CyberCrow